RESERVA 51 + MrTABLE apresentam:

As oito regras da 
 CACHAÇA ENVELHECIDA 

Em dúvida sobre como degustar sua Reserva 51? Listamos os melhores modos de saborear a bebida

A oferta cada vez maior de cachaças sofisticadas tem levado muito gente a repensar a forma de consumir essas bebidas, em especial as envelhecidas. “Hoje temos rótulos de qualidade que podem ser apreciados como se fossem whiskeys, conhecidos por todo aquele ritual na hora do consumo, com o intuito de realçar suas notas”, diz Marcelo Serrano, mixologista oficial da Reserva 51. A marca dispõe de três rótulos em linha, que repousam em barris de carvalho americano, europeu e amburana, em combinações e períodos variados. Qual é a melhor maneira de apreciar cada um deles? Consulte o guia a seguir e saúde! reserva51.com.br

REGRA 1: TESTE NOVAS RECEITAS

Mixologista oficial da Reserva 51 e coordenador da Companhia de Gastronomia e Cultura, dona de bares como o Veríssimo, em São Paulo, Marcelo Serrano tem se desdobrado para criar novos drinks com a bebida. Simples de fazer, um deles foi batizado de say my name. Incluído na carta do Veríssimo, combina Reserva 51, bitter italiano, licor de Marasquino e pepino. Outro cocktail inventado por ele é o tikipira. Refrescante, une Reserva 51 Única, xarope de maçã verde, suco de limão, água com gás, bitter, canela em pau e um ramo de hortelã.

REGRA 2: INCREMENTE A CAIPIRINHA

Em geral preparada com cachaça branca, a caipirinha feita com rótulos envelhecidos ganha maior complexidade. “A madeira da bebida garante notas mais intensas, maior doçura e coloração”, explica Serrano. Se for optar pela caipirinha clássica, a de limão, lembre-se de usar o medidor para despejar exatamente 60 mililitros de cachaça, não macere demais a fruta, capriche no gelo e não exagere no açúcar. As versões com frutas como morango, maracujá e tangerina também harmonizam bem com as envelhecidas. 

REGRA 3: SIRVA PURA E AMBIENTE

É a forma mais indicada para iniciar uma degustação dos rótulos da Reserva 51. Repare como a bebida desce suavemente e o álcool não agride o paladar.

REGRA 4: ADICIONE UMAS GOTAS D`ÁGUA

Assim como qualquer single malt, a cachaça envelhecida ganha novos contornos com umas simples gotinhas de água. “Com umas cinco a bebida já apresenta vários novos aromas e sabores”, ensina o mixologista oficial da cachaça Reserva 51.

REGRA 5: EXAGERE NO GELO

Há quem prefira tomar a cachaça com uma ou várias pedras de gelo. “Diluída e resfriada, a bebida aparenta ter menos impacto da madeira e menos álcool”, diz Marcelo Serrano. 

 

REGRA 6: SIRVA COM UM GELO GRANDE

Para quem planeja degustar a Reserva 51 lentamente, recomenda-se um gelo grande, que ocupe quase todo o copo. Assim a bebida se mantém fria por mais tempo, mas pouco dilui. 

REGRA 7: SÓ RESFRIE NA GELADEIRA

Em dias de calor, Serrano sugere resfriar a Reserva 51 na geladeira por dez minutos. É uma maneira de tornar a bebida mais condizente com o clima sem alterar suas características.

REGRA 8: GUARDE A GARRAFA NO FREEZER

Outro modo de consumir Reserva 51 é deixá-la guardada no freezer. Resultado: uma bebida quase cremosa. Só faltou citar uma última regra: crie as suas próprias na hora de degustar sua cachaça envelhecida.

© 2017 All rights reserved

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS E FIQUE A PAR DE TUDO MAIS FACILMENTE!