O acanhado gastrobar Osake, no Baixo Pinheiros, aposta em drinks sofisticados, saquês e comidinhas c

Por que ir: a ideia dos donos do Osake, em funcionamento no Baixo Pinheiros desde 2017, era fazer dele um bar de drinks no qual o saquê tivesse papel de destaque. Deu certo, como prova a enorme quantidade de clientes em alguns dias da semana. Mas também deu errado. “Quase ninguém quer saber de saquê”, lamenta um dos sócios, Kazuo Ozaki Junior.

Se você é fã da bebida mais de uma dezena de rótulos te esperam. Mas bem mais sucesso fazem os cocktails, preparados pela equipe do bartender Alexandre Arruda num balcão montado na entrada e voltado também para a rua. Acomodar-se nele é a melhor pedida para quem só planeja beber e petiscar. O acanhado salão do Osake, bem escurinho, é mais indicado para grupos ou para quem planeja jantar.

Ideal para: casais - primeiro encontro - bater papo com um amigo - ir sozinho - conhecer gente nova

Leia também:

Axado Bar, na Vila Madalena, lembra os melhores de Lisboa

12 hambúrgueres e 40 torneiras de chope artesanal: por que visitar o SPTH, na Vila Madalena

Seis cocktails com pisco para voltar ao Suri, em Pinheiros

Dica: chegue cedo para garantir uma mesa no pequeno salão.

Fotos: Thays Bittar/divulgação

Melhores petiscos vá no medalhão de Kobe com cobertura de foie gras e gema de codorna (R$ 36), no tataki de salmão com gema de codorna e molho de trufas (R$ 45) ou na porção de pedaços de frango frito com molho especial (R$ 32).

Melhores pratos: boas pedidas são o hambúrguer de Wagyu com cheddar, tomate, cebola roxa e batata chips (R$ 45) e o polvo assado com batata rústica (R$ 73).

O que beber: da lista de drinks autorais sobressaem-se o yellow mango, união de cachaça artesanal, manga, tomilho, suco de limão, xarope de especiarias e espuma de gengibre (R$ 29); o mai tai, feito com rum branco, rum escuro, suco de limão, xarope de amêndoas e Cointreau (R$ 30); e o cucumber sour, combinação de gin Hendrick’s, pepino japonês, xarope de açúcar, suco de limão, clara de ovo e spray de Chartreuse flambado (R$ 33).

Há ainda dez versões de gin-tônica, a exemplo da que leva gin, redução de tangerina com cardamomo, toque de suco de limão siciliano, tônica e twist de tangerina (R$ 29), e clássicos como moscow mule (R$ 29). Para fãs de saquê há mais de uma dezena de opções, incluindo o cultuado Hakushika Yamadanishiki Honjozo (R$ 32 a dose).

Sobremesas que valem as calorias: só há sorvetes da marca Delicari (R$ 13).

Para pagar menos: no almoço, servido só às sextas, a casa oferece duas opções de teishoku, a R$ 37. Um deles inclui peixe grelhado, arroz, salada, missoshiro, conservas e frutas.

Onde fica: Rua Ferreira de Araújo, 323, Baixo Pinheiros, São Paulo.

Horário de funcionamento: segunda 12h/15h; terça e quarta 12h/15h e 18h/0h; quinta e sexta 12h/15h e 18h/1h; sábado 18h/1h.

Site e telefone: facebook.com/barosake (11) 2776-0241.

© 2017 All rights reserved

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS E FIQUE A PAR DE TUDO MAIS FACILMENTE!