Inspirado nos botequins simples de Veneza, o Bácaro Bar & Cucina, nos Jardins, chama atenção pel


Por que ir: a mais recente novidade do primeiro quarteirão da Rua Oscar Freire, nos Jardins, quase na Alameda Casa Branca, leva o nome de Bácaro Bar & Cucina. Bem movimentado desde que abriu as portas (oficialmente, no final de janeiro de 2018), o empreendimento ajudou, em conjunto com o restaurante Mondo, entre outras casas vizinhas, a tornar aquele trecho um dos mais badalados da rua.

Bem arejado, o Bácaro Bar & Cucina convida a clientela a se imaginar num daqueles botequins informais de Veneza, na Itália. Desenvolvido pelo chef Leandro Polack, um dos sócios e dono também do restaurante italiano La Cucina Piemontese, em Alphaville, o cardápio está recheado de bons acepipes individuais.

Didática, a carta de drinks lista opções para antes e depois do jantar e até para quem não se importa em desembolsar R$ 79 por um gin-tônica.

Ideal para: casais - grupos de amigos - primeiro encontro - comemorar aniversário - conhecer gente nova - bater papo com um amigo

Leia também:

A fórmula do Futuro Refeitório, o novo queridinho de Pinheiros

O italiano Quadrucci, no Leblon, apresenta pratos levinhos para o verão

Cinco cocktails imperdíveis do Peppino Bar, no Itaim

Dica: não deixe de visitar o segundo andar do Bácaro, onde funciona uma Wine Library, fruto de uma parceria com a vinícola italiana da família Zonin.

Fotos: divulgação

Melhores entradas: peça o mix de peixes empanados e fritos (R$ 26), a carne picada com pimenta dedo de moça, queijo grana padano, azeite, alcaparras e grãos de mostarda (R$ 33) ou o polpette de carne frita ao sugo (R$ 28). Dos acepipes individuais, o de pasta de bacalhau sobre pão italiano é imperdível (R$ 8).

Melhores pratos: aprovamos o risoto de aspargos e grana padano (R$ 39), o espaguete com provolone, grana padano e abobrinha frita (R$ 39) e o roast beef com rúcula e grana padano (R$ 41).

O que beber: vá no drink bacaro de luxe, união de cachaça, aperol, licor de lichia, suco de laranja e suco de limão (R$ 35), no il gondoliere, feito com whisky, vermute rosso, Campari, xarope de açúcar e água com gás (R$ 35) ou no belve & tonic mediterrânea, que leva vodka Belvedere, óleo da casca do limão, espiral de casca de laranja, tomilho e Fever Tree (R$ 45).

Para quem é fã de gin-tônica, há oito versões caprichadas do drink (e um tanto salgadas, pois custam de R$ 69 a R$ 79). O que é feito com gin Saffron leva cardamomo, zimbro, infusão de cravo, raspas de laranja e água tônica italiana de bergamota (R$ 69). Vendido a R$ 79, o que é feito com gin Monkey 47 também contém laranja e limão secos, canela, abacaxi e água tônica Fever Tree Indian.

Sobremesas que valem as calorias: tiramisù (R$ 22) e a torta caprese com gelato da Le Botteghe di Leonardo (R$ 25).

Para pagar menos: fique nos cocktails clássicos, que custam a partir de R$ 25.

Onde fica: Rua Oscar Freire, 45, Jardins, São Paulo.

Horário de funcionamento: terça a domingo 12h/0h.

Site e telefone: facebook.com/bacarobar (11) 2387-2449.

© 2017 All rights reserved

  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS E FIQUE A PAR DE TUDO MAIS FACILMENTE!